FUNDAÇÃO DO NÚCLEO
O Núcleo Regional de Barbacena de Voluntários de Prevenção e Combate ao Câncer do Hospital Mário Penna, foi fundado em 03 de setembro de 2001 com sede à Avenida Doutor Jaime do Rego Macedo e foi trazido para Barbacena pelo Vereador Amarílio Andrade.Com dedicação e compromisso, Amarílio juntamente com seu filho Dr.Júlio César Andrade, atual presidente do núcleo, reuniu voluntários para atender a comunidade e colocar em funcionamento essa grande empreitada. Atualmente o Núcleo conta com o apoio de voluntários e vários profissionais da área de saúde como o Dr. Aldo Peixoto de Melo(Vice-Presidente);Dr.Renato César Vaz de Melo(Tesoureiro);Dr.José Antônio Carvalho Filardi(Secretário); e Dra. Irinéia Amaral Coelho de Andrade.

A criação do Núcleo em Barbacena foi um grande passo, pois além de atender as necessidade da população de Barbacena, é também um amparo para toda a regiâo. É importante ressaltar que a grande preocupação de todos os envolvidos nesse projeto está em auxiliar não só na recuperação física dos portadores de neoplasia maligna como ajudar na prevenção e conscientização da necessidade de um diagnóstico preciso. O Governador Aécio Neves veio a Barbacena para a inauguração oficial do Núcleo.

ATENDIMENTOS 
O Núcleo Regional de Barbacena de Voluntários de Prevenção e Combate ao Câncer do Hospital Mário Penna atende aproximadamente vinte pessoas mensalmente com suspeita ou diagnóstico confirmado de neoplasia maligna (câncer). O tratamento dos pacientes de acordo com o diagnóstico pode acontecer na própria cidade de Barbacena ou no Hospital Mário Penna e Luxemburgo, em Belo Horizonte.

GOVERNADOR AÉCIO NEVES DOA AMBULÂNCIA PARA O NÚCLEO
Contado com apoio do Governador do Estado de Minas, Aécio Neves, o Vereador Amarílio conseguiu que o Estado fizesse a doação de uma ambulância para transportar os pacientes dentro e fora da cidade. Antes da chegada da ambulância os pacientes muitas vezes foram transportados em carro particular do Vereador Amarílio que não tinha hora para atender as pessoas necessitadas.